fbpx

A Pirâmide Alimentar

 

A pirâmide alimentar é um instrumento de forma bem simples, sob a forma gráfica, que visa classificar e orientar as pessoas para uma reeducação alimentar, com base numa dieta mais saudável. É um guia alimentar geral que demonstra como deve ser a alimentação diária para uma população saudável. Na Pirâmide Alimentar, os alimentos são classificados em oito grupos:

Grupo 1 – Carboidratos: Representa a base da pirâmide, indicando os alimentos que fornecem energia, pois ao serem consumidos os carboidratos são convertidos em açúcar no sangue.

Grupo 2 – Verduras e Legumes: Está acima da base da pirâmide, representando as fontes de fibras, vitaminas e minerais que ajudam no controle e funcionamento do corpo.

Grupo 3 – Frutas: As frutas estão ao lado das verduras e legumes, representando outro tipo de fonte de fibras, vitaminas e minerais.

Grupo 4 – Leite e derivados: Localizado na parte intermediária da pirâmide, o leite e derivados são uma excelente fonte de cálcio, que é essencial para a constituição óssea e dos dentes.

Grupo 5 – Carnes e Ovos: Assim como os leites e derivados, este grupo está na parte intermediária da pirâmide e representa a fonte de proteína de origem animal.

Grupo 6 – Leguminosas e oleaginosas: As leguminosas completam a parte intermediária da pirâmide, representando as fontes de proteína vegetal. Também são excelentes fontes de fibras. Compõem esse grupo: feijão, soja, lentilha, grão de bico, castanhas etc.

Grupo 7 – Óleos e Gorduras: Os óleos e gorduras fazem parte do topo da pirâmide. Os alimentos deste grupo são fontes de energia e são responsáveis pelo transporte de vitaminas do complexo. B.

Grupo 8 – Açúcares e Doces: Dividindo o topo da pirâmide alimentar, estão os açúcares e doces. São alimentos ricos em carboidratos simples, não possuem fibras e apresentam poucos nutrientes. Seu consumo deve ser moderado. Os alimentos que compõem esse grupo são: açúcar, mel, chocolate, sorvete, bolo, etc.

Você pode gostar...